Publicado em 2021-12-17 12:36:42

Variação de preços de panetones e chocotones chega a 51,4% em Araraquara

Pesquisa do Núcleo de Economia do Sincomercio mostra necessidade de pesquisar os valores dos produtos nas compras para o Natal


Araraquara, 15 de dezembro de 2021 –
Os tradicionais sabores do Natal, aguardados há meses, ganham mais destaque nas prateleiras dos supermercados em dezembro. E a cada ano, os panetones e chocotones apresentam novas variedades de formulações, sabores e custos. Atento a isso, o Núcleo de Economia do Sincomercio Araraquara avaliou os itens natalinos e analisou as variações de preços dos produtos nos estabelecimentos comerciais da cidade em 2021. O estudo analisou 240 valores de 101 versões produzidas por 24 marcas, como Bauducco, Casa D’Oro, Nestlé, Lindt, Santa Edwiges, Visconti, entre outras.

De acordo com a pesquisa, nas versões mais tradicionais, os panetones com frutas cristalizadas e chocotones com gotas de chocolate podem sofrer grande amplitude de preços, sobretudo na versão mais comercializada de 400g a 500g. A maior variação encontrada foi de 26,5% para o panetone Di Lucca 400g, ofertado a R$ 7,90 no supermercado mais barato e R$ 9,99 no mais caro – diferença de R$ 2,09.

Comparativo de preços entre os estabelecimentos para os panetones de frutas cristalizadas e gotas de chocolate (400-500g) – novembro/2021

Fonte/Elaboração: Sincomercio Araraquara

Já em valores absolutos e, considerando ainda os mesmos dois sabores mais tradicionais, a maior diferença de preços encontrada pela pesquisa foi no panetone Bauducco Lata 750g. Com diferença de R$ 3,81, o item pode ser encontrado por R$ 47,99 no estabelecimento mais barato e por R$ 51,80 no mais caro.

Para os novos sabores a discrepância entre os preços é ainda maior e pode chegar a 51,4%, como na versão Premium do panetone Santa Edwiges sabor chocolate, comercializado de R$ 13,80 a R$ 20,90 nos supermercados de Araraquara. O mesmo modelo também apresentou a maior variação absoluta: R$ 7,10 de diferença, seguido pelo panetone Casa Suíça sabor Paçoquita (R$ 7,00), o panetone Visconti Chocolate & Baunilha (R$ 5,40) e o Chocottone Bauducco Maxi Sabores (R$ 5,00). As checagens de preços são feitas a partir da mesma marca e gramatura.

Já na comparação interanual, 87,5% dos produtos analisados estão mais caros em 2021. Os produtos com maior variação no preço médio praticado pelos estabelecimentos da cidade foram os já citados chocotone Santa Edwiges Premium (+57,9%) e o chocotone e panetone Di Lucca (45,2% e 41,2%, respectivamente). Por outro lado, os produtos mais estáveis e que sofreram menor variação de preço foram das marcas Casa D’oro, Parati e Lina.

João Delarissa, economista do Sincomercio Araraquara e responsável pelo levantamento, orienta os consumidores a pesquisar os preços. “Notamos uma diferença considerável nos valores cobrados entre os supermercados pelo mesmo produto, sobretudo para aqueles sabores que fogem das tradicionais frutas cristalizadas e gotas de chocolate. Foi verificado também maior amplitude de preços nos panetones de 400g a 500g, tamanho mais demandado pelos consumidores e que também oferece a maior variedade de marcas e sabores, o que torna essencial a pesquisa antes de efetuar as compras para as festas e, assim, poder obter preços melhores”.

Quanto à variedade de panetones e chocotones, já é possível encontrar na cidade sabores e recheios ainda mais diferenciados, como queijo parmesão, trufados, churros, banoffee, cheesecake de morango, frutas free e paçoca. Além disso, há versões saudáveis com zero lactose e integrais. “Com essas opções ganhando espaço, os estabelecimentos que oferecem maior variedade de tipos e tamanhos são capazes de aguçar a curiosidade e o desejo dos clientes e aumentar a taxa de conversão das vendas em dezembro”, ressalta Delarissa.